segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

À hora da refeição

"Já comi a sopa toda. Mãe! Mãe! Quero futa."

[Mãe descasca uma pêra enorme, que é devorada em 2 minutos]

"Mãe. Mãnheeeeeeeeee! Quero arroz com carne e cenoura. Mãeeeeeeenhe!"

[Mãe arranja um prato de arroz com carne e cenoura que não dura mais de 3 minutos]

"Mãe! Mãnheeeeeeeeee! E agora? O que é que eu vou comer agora? Pode ser banana com bolacha."

[Mãe começa a pensar que valia mais manter um burro a pão-de-ló. Abençoado garoto que não diz que não a nada!]

6 comentários:

Rita disse...

Eu tenho 4 assim... chega a ser assustador LOL

mão da mãe disse...

lá em casa é uma luta para comer, enfim!
os miúdos não são todos iguais!
bjinhos

Ana disse...

Que bom queria muito que a B. fosse assim, por vezes é um castigo para comer.
Bjs

Naná disse...

Quando ele começar a fazer cara feia a certas comidas, vais desejar que ele coma toneladas de comida como agora! :P

Ni! disse...

Pois, sei que não dura para sempre :(
E mesmo assim, é um trinca-espinhas!! Na escola ficam abismados com o que ele come. Acho que se não tivesse testemunhas, achavam que eu não lhe dava de comer. Ninguém diz o que ele come... Aproveitar enquanto dura.
E também não é todos os dias assim. Tem fases, mas por norma come bem.

Pirilampo M4gico disse...

Ui, aqui em casa é um castigo para comer... Já vi piores, mas também já vi melhores ehehe