segunda-feira, 11 de julho de 2011

Um dia a coisa vai explodir

E vai haver cacos por todos os lados.

Nem posso dizer que estou desiludida, porque não estou. Sempre soube que, se um dia aquelas pessoas tivessem de tomar um partido, não seria o meu [e eu odeio a expressão "tomar o partido de alguém", sinceramente, acho de uma falta de inteligência atroz]. O que acontece é que estou a chegar ao meu limite, estou a tornar-me numa pessoa cheia de ódio e não posso admitir que a minha vida continue por este caminho. Se estivesse a falar de outras pessoas, que não fossem por natureza importantes para mim, já teria mandado toda a gente para o c%$%$lho sem pensar duas vezes. Mas não. Trata-se de um núcleo de pessoas que representam muito do que foi a minha infância, a minha adolescência, toda a minha vida e que agora também fazem parte da vida do meu filho. E é por isso que eu ando neste impasse, sem saber muito bem que decisões tomar e como fazer para as levar por diante.

A única coisa que sei é que o meu desencanto é permanente, é para toda a vida. Tenho a certeza que nunca mais vou conseguir ver aquelas pessoas com os mesmos olhos. Talvez as coisas possam funcionar bem de outra forma que não a actual, mas nunca mais serão como "antes". Estou absolutamente intransigente. E não quero mesmo que as coisas voltem a ser como antes, prefiro um milhão de vezes conhecer a essência das pessoas [mesmo que isso me doa muito] do que continuar a viver de olhos tapados. Se me importa que isso não seja bem compreendido? Nada. Fizeram-me chegar a um ponto de não retorno e eu daqui só ando em frente.

Falta-me agora tomar uma série de decisões difíceis, mas ou é assim, ou um dia isto tudo explode e fica feito em fanicos.

7 comentários:

Naná disse...

Ni, se tens que explodir explode, mas o quanto antes... porque quanto mais tarde, maior o estrago!
Se há pessoas que te fazem mal, por mais que te custe, é capaz de ser melhor cortar já o mal pela raiz!

Loira disse...

:*

Pirilampo M4gico disse...

Há um ditado qualquer que nos diz que aquilo que não nos derruba fortalece-nos... Força :)

Beijinhos.

Tanita disse...

O ódio corroi, por isso depacha o assunto de vez, sem culpas.
Bj**

Dreia disse...

Ohh concordo plenamente com o pirilampo mágico!! Força... and put a smile on your face!!

Sininho disse...

ja sabes q eu gosto muito de ti não sabes?? prontos!!! é so p saberes mais um bocadinho :)

anasantos79 disse...

Concordo a 100% com o Pirilâmpo Mágico ;)